• Nota de Falecimento

    É com grande pesar que a Direção do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho comunica o falecimento do Prof Pedro Persechini no domingo, dia 10 de junho de 2018. Pedro graduou-se e fez mestrado em Física na UFMG e Doutorado no Ciências Biológicas (Biofísica)  em 1984 sob orientação do saudoso Prof Gilberto de Oliveira Castro. 

    Leia a Nota na íntegra

    Pedro fez parte da primeira geração de Imunobiofísicos brasileiros como Professor do IBCCF a partir de 1978 e um dos fundadores do Programa Temático de Imunobiologia e seu primeiro Chefe no período 1992-1993, tendo tornado-se professor Titular em 2003. Suas contribuições originais na interface da Imunologia e Biofísica permitiram aprofundar nosso conhecimento sobre o papel de receptores, canais, e mecanismos de transporte na biologia de linfócitos e macrófagos. Pedro também manteve intensa atividade de Extensão Universitária e foi um dos fundadores de um dos mais importantes Centros de Divulgação Científica do estado, o Espaço Ciência Viva onde a população podia ter contato com a Ciência e com o fazer Ciência. Pedro também teve intensa participação na Graduação e na formação de alunos com suas disciplinas de Boas Práticas de Laboratório e Biossegurança. Ele aposentou-se ao final de 2015, mas manteve-se em atividade no Laboratório de Imunobiofísica onde foram formados muitos mestres e doutores entre eles, Róbson Coutinho Silva, Julieta Schachter, e Hercules da Silva Souza. O plano de continuar produzindo Ciência e formando alunos, agora como um dos professores do Laboratório de Inflamação, foi interrompido pelo diagnóstico de um câncer  há pouco mais de um ano. O vazio deixado por sua ausência só não é maior pois sua luta diária pela qualidade e integridade na Ciência reverbera intensamente em todos aqueles que tiveram a oportunidade de conhecê-lo. Sua memória será honrada com a continuidade da luta de todos que acreditam que a Ciência é fundamental para nosso desenvolvimento como povo e nação.