Laboratório de Neurobiologia da Retina

    O laboratório de Neurobiologia da Retina estuda o desenvolvimento, plasticidade e a organização morfo-funcional da retina de diferentes espécies animais. Os principais aspectos analisados são a distribuição de neuromediadores e receptores na estrutura retiniana, as conexões entre tipos celulares reconhecidos pelos seus neuromediadores, a ontogênese de células que expressam determinados neuromediadores. Além disso, estuda o efeito provocado pela aplicação de hormônios, drogas de abuso, poluentes ambientais e, agonistas e antagonistas dos neuromediadores sobre a gênese e diferenciação do tecido retiniano durante o desenvolvimento embriológico.

    Estas questões são abordadas pela combinação de técnicas morfológicas, incluindo as histológicas e de ultra-estrutura, técnicas bioquímicas e de biologia molecular. Desta forma, é possível detectar, dosar e determinar a atividade de enzimas que participam em sistemas de neuromediadores. e, por outro lado, caracterizar e localizar em células retinianas os neuromediadores ou suas enzimas de síntese e/ou degradação. Por último, estudar proteínas e RNAm que são expressos ou regulados durante o desenvolvimento ou após manipulações.

Equipe:

Chefe de Laboratório

Patricia Franca Gardino

Doutorandos

Danielle Beckman

Érica de Lana Meirelles

Técnicos

Aurizete Nunes Bizzera

Luciano Cavalcante Ferreira

Iniciação Científica

Rayssa Dutra Lopes

Programa: 
Neurobiologia