Laboratório de Imunofisiologia

    O Laboratório de Imunofisiologia foi criado com o objetivo de estudar o sistema imune e suas interações com outros sistemas. Em particular, através de uma abordagem multidisciplinar investiga-se a função de nucleotídeos extracelulares (mediadores comuns do sistema imune, nervoso, endócrino) no contexto fisiológico e em situação patológicas. A sinalização purinérgica é estudada nos contextos:

1) Receptores para nucleotídeos presentes em células do sistema linfo-hematopoiético.

    Procuramos entender o significado funcional da presença de receptores P2 em monócitos, macrófagos, células dendríticas, e outras células do sistema linfo-hematopoiético. Através desses receptores, ATP e outros nucleotídeos extracelulares podem atuar como sinais de perigo e ativar diversas respostas celulares, constituindo-se como um importante grupo de agentes imuno-moduladores. Nesse contexto, o laboratório se dedica ao estudo da presença e modulação desses receptores em diferentes situações de interesse imunopatológico como a infecção por patógenos diversos  como Leishmania, T. gondii, P. gengivalis, Clamídia e Schistosoma mansoni. Estudamos ainda os mecanismos de transdução de sinal empregados pelos receptores P2 no contexto da infecção por tais patógenos.

2) Receptores para nucleotídeos no contexto de doenças inflamatórias

  • Sinalização purinérgica no contexto de Diabetes melittus.  Objetiva-se compreender como a sinalização purinérgica pode estar envolvida com a suscetibilidade da doença visando um futuro uso terapêutico de bloqueadores e inibidores de receptores P2.

  • Sinalização purinérgica no contexto da Sepse.  Investiga-se de que forma a presença de receptores para nucleotídeos pode agravar a sepse visando o desenvolvimento de formas de controle e redução dos malefícios da sepse via modulação dos receptores purinérgicos.

  • Sinalização purinérgica no contexto da Silicose. Investiga-se de que forma a sinalização purinérgica está envolvida com o agravamento da doença.

  • Sinalização purinérgica no contexto de doenças inflamatórias do trato intestinal (IBD). Buscamos entender como a sinalização purinérgica participa da iniciação e agravamento das IBD tanto nas células imunes inflamatórias como no epitélio intestinal.

  • Sinalização purinérgica no contexto de doenças renais. Buscamos entender como a sinalização purinérgica participa do funcionamento do rim no contexto de saúde e doença.

Divulgação científica

    Além das atividades de ensino e pesquisa strictu sensu, o laboratório tem atuação em atividades de extensão na área da divulgação científica e ensino de ciências.  O laboratório atua orientando alunos de Pós Graduação em difusão de Ciências ou Ensino de Biociências e Saúde além de atuar na formação de multiplicadores em difusão de Ciências em cursos eletivos oferecidos na UFRJ.  O grupo participa também do desenvolvimento de atividades interativas no museu de ciências "Espaço Ciência Viva" (www.cienciaviva.org.br). 

    Nesse campo trabalhamos em colaboração com outros professores do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho num projeto intitulado "Divulgação do saber gerado na Universidade" que tem como objetivo, a longo prazo, gerar um mecanismo de interação bidirecional entre a universidade e a sociedade que permita, tanto a divulgação das atividades de pesquisa desenvolvidas na universidade e de sua importância para a sociedade  como a criação de um canal pelo qual o cientista possa se aproximar mais da sociedade.

 

Produção Científica recente

 

Equipe

Chefe de Laboratório

Robson Coutinho Silva

Pós-doutorando

 Ana Carolina  F. Morandini

 Camila Marques da Silva

 Giani França Santoro

  Helio Miranda C. Junior

 Doutorandos

Aline Cristina A. M. de Souza

Gabriela D. Bevilacqua

Grazielle Rodrigues Pereira

Livia Mascarenhas de Paula

Luiz Eduardo Baggio Sávio

Mariana Martins Chaves

Patrícia Teixeira Santana

Suellen D` arc dos S.Oliveira

 Vanessa Ribeiro Figliuolo

Mestrandos

 Rafaela Rangel Serra

 Larissa Tebaldi dos Reis

Iniciação Científica

Carolyne Lalucha A.L. Da Graça

Anna Karla Almeida Silveira

Thiago Fernandes  A. Almeida

Filipe Vicente dos S. Bueno

Ayla Tiemi Yaamoto Mota

 Mayara Batista de Almeida

Aperfeiçoamento científico

Denis Castro Faria

Ygor Marinho F. dos Santos

Bolsista DTI

Rafaela Rangel Serra

Programa: 
Imunobiologia
Chefe do laboratório: